O sentido da vida para minha mãe: ‘viver com o amor e união da família, coração humilde e sincero e de bem com a vida’

Eu e minha mãe, no meu aniversário de 2011
Eu e minha mãe, no meu aniversário de 2011

Desde que eu repreendi minha mãe por me encaminhar aquelas mensagens prontas de autoajuda em ‘Power Point’- que eu não tenho muita paciência de ler -, ela me envia poucos e-mails.

Quando chega algum dela, costuma ser informações sobre cuidados de segurança e saúde, ou fotos da nossa família e animais de estimação.

Certo dia, porém, fui surpreendida com um e-mail da minha mãe com o título “Sentido da vida”.

A curta mensagem coube em um parágrafo:

 “Oi, Gabi, estava lendo seu blog um dia desses e percebi que eu nunca havia parado para pensar no sentido da minha vida. Aí procurei refletir e observei que só o fato de viver com o amor e união da minha família, com o coração humilde e sincero e de bem com a vida, ela já tem sentido. O trabalho digno, os sonhos e objetivos alcançados vão completando o seu sentido. Com o passar dos anos aprendi que a vida é pra ser vivida um dia de cada vez, com amor, alegria e respeito. Procurar aprender com os erros, viver as alegrias intensamente e as tristezas com esperança de um dia melhor. Com fé deixar-se guiar pelo amor e vontade de Deus, pois o amanhã só a Ele pertence, e com o passar dos anos ir tendo a sensação de dever cumprido. Um beijão”

Isso aconteceu em fevereiro. Na época, eu fiquei super contente por minha mãe ter se antecipado e falado o sentido da vida dela sem eu perguntar (o que eu faria mais cedo ou mais tarde). Na ocasião, não pensei em publicar no blog por ser uma mensagem pessoal que minha mãe tinha enviado para mim.

Hoje, contudo, no Dia das Mães, resolvi fazer uma homenagem e dividir com vocês as tão sábias palavras da minha querida mamãe.

Quem me conhece sabe que minha mãe é minha melhor amiga. Divido com ela praticamente todos os meus problemas, angústias e inquietações. É ela a primeira a saber quando algo acontece de bom ou ruim na minha vida, desde pequena.

Hoje, relendo a mensagem dela, eu fico pensando em como sou sortuda por ter a oportunidade de ouvir qual é o sentido da vida para minha mãe, que não só me deu a vida como dá grande sentido a ela.

Para quem não a conhece, gostaria de frisar que tudo o que ela escreveu sobre o sentido da vida dela é verdade. Somos uma família simples, e minha mãe é daqueles Mãezonas (sim, com ‘M’ maiúsculo) que faz de tudo por nós: meu irmão, meu pai e eu.

É daquelas que acordava cedo para fazer o café dos filhos. Que fazia ‘lanchinho’ para levar no trabalho. Que largou o emprego para cuidar da gente. Que dá a vida para fazer meu pai feliz. Que nunca deixou passar um aniversário de cada um de nós sem fazer um bolo preferido. Que atende o telefone sempre que eu ligo desesperada e sempre está lá para ouvir todas as minhas lamentações (e garanto que não são poucas).

Parando para pensar, eu não sei o que seria da minha vida e da minha família sem ela.

Mãe, obrigada por dar tanto sentido para minha vida. Eu te amo!

Feliz Dia das Mães, todos os dias.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s