Menino de 5 anos diz que sentido da vida é ‘aproveitar a natureza, beber água e passear’

“Eu tomo conta dele desde os seis meses, mas sou voluntária”, explicou Bernardeth
“Eu tomo conta dele desde os seis meses, mas sou voluntária”, explicou Bernardeth

Era segunda-feira e Rafael Bisagni dos Santos, de 5 anos, estava com sorte. Não tinha aula na escola municipal em que estuda e em troca ele foi passear na Avenida Paulista com sua “segunda” mãe.

Quem cuida dele em grande parte do tempo é a costureira Bernardeth Sfrizo, de 60 anos, amiga da mãe “original” do sorridente garoto.

“Eu tomo conta dele desde os seis meses, mas sou voluntária”, explicou Bernardeth. A mãe de Rafael trabalha no comércio de segunda a sábado e, uma vez por mês, de domingo também. Para ajudar a amiga, Bernardeth cuida dele quando a mãe está trabalhando. “Eu acostumei e ele acostumou em casa”, disse.

E naquele tarde os dois passeavam de mãos dadas pela calçada, um fazendo companhia para o outro, dando sentido a ambas às vidas. É que tanto para Rafael quanto para Bernardeth, o sentido da vida é justamente aproveitá-la.

Pelo menos foi o que os dois disseram quando interrompi o passeio para fazer a pergunta (a cara de curioso do Rafael caminhando pela Paulista tinha me chamado a atenção).

Primeiro Rafael me respondeu que o que mais gosta de fazer é andar de metrô e de ônibus, brincar com o Miguel (seu sobrinho de 4 anos, como esclareceu Bernardeth) e passear no shopping. Aí eu tentei explicar para ele a minha pergunta mais filosófica. Disse que costumo perguntar a adultos o sentido da vida, mas que eu gostaria de ouvir a resposta de uma criança.

Rafael nem pensou muito: “é pra gente sempre aproveitar a natureza e beber água, e para passear também”, respondeu, um pouco tímido mas sem titubear. Ele disse que, além disso, gosta bastante de brincar em parquinhos e de estudar.

Para Bernardeth, a vida vale a pena se for aproveitada, não importa se com muito ou pouco dinheiro. “É para viver bem. Aproveitar tudo que a vida oferece para a gente, como hoje mesmo. A gente pegou o metrô e viemos aqui no Parque Trianon para dar uma volta, dar um passeio. Então o sentido da vida é isso, você tem que aproveitar tudo que a vida oferece.”

A costureira disse que tem três filhos adultos e que para ela é um prazer cuidar de Rafael. “São formados os três  [filhos dela]. Com muita luta, mas são formados. E agora eu fico com ele, é minha companhia.”

E nessa de aproveitar a vida passeando, Bernardeth já levou Rafael para conhecer vários lugares. Ela revelou que costuma levá-lo para destinos acessíveis na cidade. “Eu procuro ir no teatro, procuro também muita coisa de graça. Nós vamos em museus, fomos no zoológico nas férias dele, em tudo que é disponível e acessível para nós.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s